Arroz Valdivino - Clique e assista

Parceiros:

Instagram

  • Direto da prefeitura de Belm do So Francisco
  • Aventura nas dunas de Canoa Quebrada
  • O dia foi assim
  • Em famlia no shopping de Petrolina porque Deus est semprehellip
  • Feliz 2017 em familia

Senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) e seu grupo político continuam no governo Temer

Postado em 22 de maio de 2017

Em reunião da executiva no ultimo sábado os lideres do PSB tomaram algumas decisões que define seu futuro em relação ao governo federal, pelo que se sabe até o momento o senador Fernando Bezerra Coelho (PE), não vai seguir a orientação do partido e deve adotar comportamento de independência.  Uma das decisões da executiva foi de sair da base de apoio ao governo; outra de que iria fazer oposição e pedir a renuncia do presidente Temer; ainda de propor o impeachment e de fechar questão por novas eleições diretas.

O presidente da sigla, Carlos Siqueira, disse na reunião da executiva do PSB, que o peemedebista não tem condições políticas, morais, éticas e administrativas para continuar no comando da Nação. Uma decisão de Fernando Bezerra Coelho e de seu grupo de permanecer no governo, coloca em conflito opiniões de correligionários. FBC é o vice líder do governo no senado, comanda o DNOCS e a Codevasf em Pernambuco, além de ser pai do ministro de Minas e Energia.

Inicio de semana decisivo para a política de Pernambuco, sobre tudo, para o senador Fernando Bezerra Coelho. O senador tem decisões importantes a tomar, ou ele e seu grupo político seguem a orientação do partido e deixam de vez o governo de Temer, ou optando por permanecer alimentam mais a ainda as cogitações de que estaria cada vez mais distante do governador Paulo Câmara. De acordo com o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, Fernando Filho, ministro de Minas e Energia e o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE), estiveram com Temer no sábado e o ministro afirmou ao presidente que “não deixará a pasta”.



Mundo das Motos

Domingo de manifestações pelo Brasil: Ao menos 19 capitais tiveram manifestações pela saída de Temer e eleições diretas

Postado em 22 de maio de 2017

A Frente Brasil Popular e o Povo Sem Medo convocaram para este domingo, 21, atos em todo o País pedindo “Fora, Temer” e “diretas já”. Em algumas capitais, pancadas de chuva resultaram numa baixa adesão aos protestos, que contaram com a participação de movimentos sociais e centrais sindicais, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT).

Algumas manifestações foram convocadas no exterior também, como na Union Square Park, em Nova York, e no Phoenix Park, em Dublin. O movimento Frente Brasil Popular listou ainda protestos na Itália, Holanda, Portugal e nas capitais do Uruguai e da Colômbia.

Brasília. A concentração na capital federal começou no fim da manhã em frente à Biblioteca Nacional. O público era formado, principalmente, por integrantes de centrais sindicais e partidos de esquerda que pediam eleições diretas.

Recife. Na capital pernambucana, os manifestantes se concentraram na Praça do Marco Zero, centro da cidade, às 13h. Em Petrolina, no sertão de Pernambuco, um “adesivaço” tomou conta da cidade e foram colados 300 adesivos em carros e motos.

Porto Alegre. Logo no começo da tarde, os manifestantes se reuniram no Parque da Redenção e começou a passeata pela região central da cidade.

Salvador. Na capital baiana, a manifestação que pede a saída do presidente Michel Temer e eleições diretas começou por volta das 13h na Praça do Campo Grande, centro da cidade. Dali, o grupo seguiu em passeata pelo Corredor Vitória com destino ao Farol da Barra, na orla. Centrais sindicais e movimentos populares participaram do protesto.

A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) participou do ato e disse que é grave o momento político do País. Ela afirmou que não é hora de falar em nomes, mas de aprovar uma PEC para garantir que o povo escolha um novo presidente. “Temos projeto de eleições diretas, porque compreendemos que a crise, do jeito que ela se instalou no Brasil, precisa de participação popular, repactuação com o povo brasileiro em torno de um programa mínimo. É preciso que as ruas possam ajudar a definir esse campo”, disse a parlamentar.

São Paulo. Os manifestantes se concentraram por volta das 15h em frente ao vão livre do Masp, na Avenida Paulista. O ex-senador Eduardo Suplicy (PT) esteve no local e fez um discurso pedindo o afastamento do presidente Michel Temer e a realização de eleições diretas. A chuva que caiu na capital paulista desde o início da manhã frustrou a expectativa dos organizadores do protesto.

Rio de Janeiro. Um grupo de manifestantes se reuniram na orla da Praia de Copacabana, zona sul do Rio. O ato, além de pedir a renúncia do presidente Michel Temer, protestava pela saída do governador Luiz Fernando Pezão. A maioria era de servidores públicos estaduais que protestavam contra o atraso de salários. Durante a tarde, cerca de 200 manifestantes protestaram em frente ao prédio onde mora o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), em São Conrado, na zona sul do Rio.

Belo Horizonte. O protesto convocado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) reuniu cerca de 1,2 mil pessoas, segundo estimativa da Polícia Militar, na Praça da Liberdade. Outros atos ocorreram em Uberlândia e Juiz de Fora. Em Uberlândia, a ocupação Fidel Castro, do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), esteve presente.

João Pessoa. A orla da capital da Paraíba começou a receber os primeiros manifestantes de movimentos sociais logo pela manhã, com concentração no Busto de Tamandaré, Praia de Tambaú.

Natal. O movimento na capital do Rio Grande do Norte foi convocado por movimentos sociais e líderes de entidades sindicais. Eles se concentraram na Praça das Flores, por volta de 9h, pedindo a renúncia de Temer. Segundo os organizadores do evento, mais de 2 mil pessoas desceram a Ladeira do Sol em defesa de “diretas já”.

Curitiba. Pelo menos 500 pessoas saíram em protesto pelo fim das reformas trabalhista e da Previdência, austeridade nas leis municipais e o afastamento do presidente Michel Temer. Convocados pela Frente Brasil Popular e a Frente de Resistência Democrática, os manifestantes se concentraram, por volta das 14h30, na Praça Santos Andrade, em frente ao prédio histórico da Universidade Federal do Paraná. O local foi ponto de encontro do ato pró Lula no último dia 10. De lá, marcharam até a Câmara Municipal, e o ato acabou por volta das 16h30. A PM não confirmou o número de manifestantes.

Belém. No Pará, a concentração ocorreu na Praça da República, centro da capital. Representantes da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e de movimentos sociais discursaram no local portando cartazes e bandeiras vermelhas contra o Michel Temer.

Fortaleza. Na capital cearense, os manifestantes se reuniram por volta das 15h no Aterro da Praia de Iracema. Outro ato teve início às 17 horas com cerca de 5 mil pessoas na Beira Mar, segundo os organizadores do evento. Em Crato, o ato se concentrou na Igreja Seminário São José.

Manaus. Por volta das 12h, horário de Brasília, cerca de 300 manifestantes se concentraram no centro de Manaus, ao lado dos movimentos Central Sindical e Popular, Movimento Luta Popular (MLP) e Central Única dos Trabalhadores (CUT). O grupo caminhou pela Avenida Eduardo Ribeiro e, segundo a Polícia Militar, não houve tumulto. “Aqui é um ato espontâneo e vamos deixar a cidade no clima para gritar ‘fora Temer’”, disse o coordenador da Frente Brasil Popular, Ruan Octávio Rodrigues.

Rio Branco. No Acre, as pessoas se reuniram a partir das 16h em frente ao Palácio Rio Branco, no centro da capital. O ato foi convocado pela Frente Brasil Popular e pelo Povo Sem Medo contou com a participação da Central Única dos Trabalhadores (CUT), União Nacional dos Estudantes (UNE), União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) e Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB).

Goiânia. O protesto começou por volta das 10h na Praça do Trabalhador e foi organizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT-GO), Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB) e pela Frente Brasil Popular. O movimento ainda contou com a parceria do Fórum Goiano Contra a Reforma da Previdência.

Cuiabá. Em Mato Grosso, o ato foi organizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e por movimentos sociais. Os manifestantes se reuniram pela manhã na Praça Cultural do bairro CPA II, em Cuiabá. O governador Pedro Taques (PSDB) também foi alvo dos protestos devido a um episódio envolvendo escutas telefônicas ilegais.

Campo Grande. A Frente Brasil Popular do Mato Grosso do Sul e o movimento Povo Sem Medo convocaram ato na manhã deste domingo na Avenida Afonso Pena. O grupo fez passeata até a Praça Ary Coelho pedindo “Fora, Temer” e eleições diretas.

São Luís. Na capital do Maranhão, uma carreata saiu pela manhã da Praça Maria Aragão e foi até a Praça do Pescador. À tarde, teve uma passeata pela Avenida Litorânea. O movimento, convocado por centrais sindicais e movimentos sociais, percorreu as principais avenidas da cidade.

Fonte: Estadão




Morador flagra cavalos pastando em Praça no centro de Cabrobó

Postado em 22 de maio de 2017

cavalo praça 2 cavalo praça 3

Animais estavam soltos no meio da rua e passeando pelos canteiros da Praça Prefeito João Freire de Carvalho no centro de Cabrobó.

Um morador da cidade de Cabrobó, sertão do estado de Pernambuco, flagrou vários cavalos pastando na Praça Prefeito João Freire de Carvalho, centro da cidade. O registro foi feito na noite deste domingo (21) e o morador disse que os animais oferecem riscos para os motoristas porque estavam atravessando a avenida para chegar aos canteiros no entorno da Praça.

A Praça Prefeito João de Carvalho, é uma das mais movimentadas da cidade. A noite é comum presenças de crianças brincando, os pais aproveitam o espaço da Praça para trazer as crianças. Se nenhuma providencia for tomada por parte da secretaria de infraestrutura, além de causar estragos na própria Praça isso vai afugentar as famílias que adotaram o espaço físico como ponto de diversão para os filhos.



Mundo das Motos

Cabrobó é destaque na 2ª etapa do Campeonato Pernambucano de Jiu-jítsu

Postado em 22 de maio de 2017

No último dia 21 de maio foi realizada na cidade de Custódia-PE a 2ª etapa do Campeonato Pernambucano de Jiu-jítsu e a cidade de Cabrobó foi muito bem representada através da Academia de Jiu-jítsu Tradicional Sport Fighter. Competiram, na ocasião, 4 atletas locais em diferentes categorias de peso, trazendo um total de 6 medalhas.

Sensei Denilson Andrade, líder da academia, foi campeão na faixa preta master 3, terceiro lugar na faixa preta master 1 e terceiro lugar na faixa preta absoluto. Alisson Xavier foi terceiro lugar no peso médio adulto. Kaik Ferreira foi vice-campeão no peso médio juvenil e Antero Angelo foi terceiro lugar no peso pluma adulto.

O próximo compromisso dos guerreiros é a terceira etapa do estadual que acontecerá na cidade de Floresta-PE no dia 9 de julho. Mantemos toda expectativa de que mais medalhas virão para nossa cidade.



Stilo-Motos-GIF

Vândalos danificam AME do distrito de Izacolândia, em Petrolina

Postado em 22 de maio de 2017

vandalismo 3-vert-horz AME Izacolândia II

Na manhã deste domingo (21), criminosos invadiram a Unidade de Atendimento Especializado (AME) do distrito de Izacolândia, zona rural de Petrolina. A equipe da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), juntamente com a Guarda Municipal, estiveram no local e constaram que nenhum equipamento foi roubado.

A unidade teve a porta de vidro da recepção estraçalhada por uma pedra, e o computador, usado para realizar marcações de consultas e exames, foi quebrado.

De acordo com a secretária de Saúde, Magnilde Albuquerque, a segurança do local foi reforçada e o boletim de ocorrência já foi registrado. “Devido ao aumento da violência em Petrolina, vamos iniciar, nesta segunda-feira (22), um processo de licitação para a contratação de uma empresa de vigilantes. A unidade amanhã funcionará normalmente, porém, de forma manual”, explicou.

Clêilma Souza- Assessoria de Imprensa da Secretária de Saúde de Petrolina



Atel

Incêndio em residência no centro de Belém do São Francisco deixa moradores em pânico na tarde do ultimo sábado

Postado em 22 de maio de 2017

incendio_1

Na tarde do ultimo sábado, aconteceu em Belém do São Francisco um incêndio em uma residência localizada na rua Agnelo Cabral n°38 no centro da cidade. O fato chamou atenção da população, pois a cada minuto que se passava as chamas tomavam de conta da residência. Houve alguns momentos de agonia por parte dos vizinhos da residência. Foram preciso dois carros pipas para conter as chamas, pois na cidade, não tem unidade do corpo de bombeiros.

A unidade mais próxima fica na cidade de Salgueiro a 97 km de distancia e em Serra Talhada a 146 km. O que mais chamou a atenção foi o fato do corpo de bombeiros de Salgueiro ser acionado por alguns moradores, mais as dificuldades e desculpas por parte do atendente em comparecer a Belém do São Francisco, foram muitas, em umas das ligações o atendente argumentou que a dificuldade da unidade móvel teria devido a distancia, pois se tratava de um caminhão grande de combate a incêndio, o que levaria uma hora e meia pra chegar à cidade.

O fogo na residência foi por volta das 15:00 horas a população só conseguiu conter o fogo por volta das 17:20. Alguns moradores então decidiram denunciar o serviço da unidade de Salgueiro dizendo que iria acionar os meios de comunicação da região, foi quando a unidade veio chegar à cidade por volta das 18:07, foi o que disse um morador bastante insatisfeito com o atendimento da unidade do corpo de bombeiros de Salgueiro.

“Isso mostra que nossa cidade e região estão abandonadas por parte desse tipo serviço. Até quando nós não vamos ter nossos direitos garantidos. A nossa sorte foi por parte da população que tomou a iniciativa em apagar o fogo. Vale lembrar que a policia Militar e o plantão da Celpe em Serra Talhada foi rápido no atendimento. Já o corpo de bombeiros unidade de Salgueiro fica aqui o meu protesto quanto ao atendimento péssimo”. Desabafa o morador.

Segundo as informações que chegaram ao Blog, não avia ninguém na residência no momento do incêndio.

Assista o vídeo:

 




UPAE Garanhuns alerta para jogo Baleia Azul e suicídios de jovens

Postado em 22 de maio de 2017

baleia1-31-500x400

Dr. Franco Junqueira, Coordenador Médico da UPAE Garanhuns, psiquiatra, foi o entrevistado do programa Consultório, com Samara Pontes, na Rádio Jornal Garanhuns, nesta segunda-feira (15). O programa que durou uma hora, teve como temática o Jogo Baleia Azul e Suícídios de Jovens, e contou com perguntas dos ouvintes, esclarecendo este tema polêmico e atual. Os internautas também puderam acompanhar através das redes sociais.

Embora a UPAE não disponha da especialidade psiquiatria, seus profissionais estão atentos ao jogo mortal do momento, e esclarecem a população. “É necessário que as pessoas, e não somente os profissionais, como psicólogos e psiquiatras, percebam sinais nos jovens de que alguma coisa não está indo bem. É comum as pessoas que pensam em suicídio comentarem isto com alguém, e até tentarem algumas vezes antes de conseguirem este objetivo, infelizmente.” – Afirma o profissional.

Para conferir a entrevista completa, clique no link abaixo:
https://www.facebook.com/UPAEGaranhuns/

Imprensa:/Ronaldo Cesar Carvalho – VOX COMUNICAÇÃO



Mundo das Motos

Prefeitura de Petrolina realizará melhorias na estrada que dá acesso ao assentamento Mandacaru, na Tapera

Postado em 22 de maio de 2017

sitio Mandacaru

Uma antiga reivindicação dos moradores do assentamento Mandacaru, no povoado da Tapera, em Petrolina, está prestes a ser atendida. O secretário de Desenvolvimento Econômico e Agrário, José Batista da Gama, esteve reunido, neste sábado (20), com as lideranças comunitárias daquela localidade para atender a solicitação de melhoria de um trecho da estrada da Tapera que dá acesso ao assentamento.

Na ocasião, o secretário pôde conhecer e ouvir as principais reivindicações dos moradores, além de apresentar as ações que serão desenvolvidas pela Prefeitura para o melhoramento da estrada. “Infelizmente, há mais de 10 anos não se via uma ação da prefeitura no interior do munícipio. Quero dizer que a gestão municipal vai trabalhar para todos e podem esperar que no início dessa semana uma retroescavadeira estará aqui iniciando os trabalhos para o cascalhamento dessa estrada”, assegurou o secretário.

O diretor de limpeza pública da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade(SEDURBS), Alisson Oliveira, também esteve presente na reunião e reforçou a parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agrário. “Inicialmente, vamos ceder uma caçamba que deve transportar 21m³ de material para cascalhar a estrada”, falou Alisson.

Também estiveram presentes na reunião, o vereador Ronaldo Souza, o presidente da agricultura familiar, Mauricio Rosa e várias lideranças da comunidade.

Lilian Telles/Assessora de Imprensa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agrário



Stilo-Motos-GIF

Em votação, OAB decide pedir impeachment de Michel Temer

Postado em 21 de maio de 2017

Brasília – Por 25 votos a um, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) decidiu pedir o impeachment do presidente Michel Temer. Os conselheiros federais consideraram, após mais de seis horas ininterruptas de discussão, que as condutas do presidente reveladas pelo empresário Joesley Barbosa, do grupo empresarial JBS, podem configurar crime de responsabilidade. Apenas o Amapá votou contra o pedido de impedimento. E a bancada do Acre estava ausente.

A OAB, que deve protocolar o pedido de impeachment nos próximos dias, aponta como indício de crime de responsabilidade o fato de Temer ter ouvido de Joesley que estava comprando juízes e um procurador da República e não ter comunicado às autoridades. Ao contrário, o presidente assente com um “ótimo, ótimo” nas gravações feitas pelo empresário.

Nesse momento, ele teria agido “de modo incompatível com a dignidade, a honra e o decoro do cargo”, conduta prevista na lei que define os crimes de responsabilidade de presidentes e ministros.

Os conselheiros da entidade ressaltaram que Temer não negou, nos dois pronunciamentos que fez, o trecho do diálogo que eles consideram grave. Por isso mesmo, segundo os membros da OAB, mesmo que o áudio venha a ser questionado por peritos ou a delação anulada, esse ponto já foi “confessado” por Temer, que afirmou, inclusive, que não acreditou em Joesley porque ele é um conhecido “fanfarrão”.

– Não interessa se não era verdade, porque ele é presidente da República e tinha que ter agido. Dessa forma, ficamos todos mais seguros nessa decisão que estamos encaminhado – Adriana Coutinho, conselheira federal de Pernambuco.

As circunstâncias do encontro de Temer com Joesley, no fim da noite e fora da agenda oficial, quando o empresário o grampeou, também foram criticadas pela OAB:

– Foi uma conversa nada republicana, traçada na calada da noite, sobre um dos maiores esquemas de corrupção, por alguém que é um constitucionalista. Quem conhece o Direito não pode agir assim – afirmou Ricardo Bacelar, conselheiro do Ceará.

Na avaliação dos conselheiros, também pesa contra Temer ter prometido atender pleitos de Joesley, como indicação no Cade e outras questões relacionadas ao Ministério da Fazenda. Eles não consideraram, entre os indícios de cometimento de crime, o suposto aval de Temer a pagamentos para calar o ex-deputado Eduardo Cunha, que está preso, ao contrário do entendimento da Procuradoria-Geral da República.

PUBLICIDADE

Já foram protocolados ao menos oito pedidos de impeachment contra Temer após as revelações das delações da JBS. A solicitação vinda da OAB, porém, tem um peso diferente. Maior instituição civil no país, a entidade tem mais de um milhão de inscritos e acaba pautando as discussões pela representatividade que tem.

Felipe Santa Cruz, da OAB do Rio de Janeiro, afirmou que votava pelo impeachment sem “nenhuma satisfação”. Ele lamentou que metade dos presidentes eleitos desde a redemocratização não terminou o mandato no Brasil e defendeu uma reforma política:

– Teremos o terceiro presidente desde a redemocratização a não terminar o mandato, ou seja, 50%. Demonstra que esse sistema apodreceu.

Fonte: O Globo



Mundo das Motos

Permanência ou não de Fernando Filho no Ministério de Minas e Energia vai ser decidido em reunião da bancada do partido na próxima segunda-feira

Postado em 20 de maio de 2017

fernando-filho

Após a decisão da executiva nacional do PSB que decidiu neste sábado pelo rompimento com o Presidente Temer, falta fechar questão em relação aos cargos ocupados no Governo Federal por indicações de lideranças do partido. A bancada socialista na Câmara indicou o nome do deputado federal Fernando Filho para a pasta de Minas e Energia, já a bancada no Senado fez a indicação da Presidência da Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba). Com isso o Senador Fernando Bezerra Coelho, pai do Ministro de Minas e Energia, passou a comandar a 3ª SR Codevasf com sede em Petrolina.

Procuramos saber do próprio Ministro Fernando Bezerra Coelho Filho, se o mesmo já teria uma decisão para ser anunciada tendo em vista o posicionamento da executiva do seu partido. Fomos informados por um de seus assessores, que o mesmo só vai falar e se posicionar após a reunião da bancada na Câmara dos deputados, que está marcada para acontecer na próxima segunda-feira (22). O Blog entrou em contato com uma das principais lideranças do PSB, o deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE), o mesmo participa de um congresso nos Estados Unidos, por telefone ele disse que qualquer decisão do partido conta com seu apoio. Perguntado sobre o caso do Ministro de Minas e Energia, Gonzaga foi enfático ao afirmar: “a indicação não foi do partido e sim da bancada, portanto, é a bancada que deve tomar essa decisão”.





Página 20 de 3.488« Primeira...10...1819202122...304050...Última »

Mensagem Biblíca
Respondeu-lhe Jesus: Se falei mal, dá testemunho do mal; e, se bem, por que me feres? João:18:23