Rádio Asa Branca migra para FM e traz nova programação

2

A Rádio Asa Branca AM 1570Khz, pioneira na cidade de Salgueiro, prepara-se para um dos momentos mais aguardados na cidade: a sua migração para FM. A emissora católica, pertencente a Diocese de Salgueiro, migrará nesse domingo 09 de dezembro às 19h. A primeira transmissão na frequência FM 91,5 será a santa missa, na Catedral de Santo Antônio, presidida por Dom Magnus Henrique Lopes, bispo diocesano de Salgueiro. Após a celebração, o Ministério de música da Comunidade Boa Nova fará um show em comemoração ao ato de migração.

Na segunda-feira dia 10 estreia a nova programação da Asa Branca 91,5, programas inéditos chegarão na grade, além de alguns que permanecerão mesmo em FM. Uma das novidades será a programação 24 horas com conteúdo. Na grade de programas de segunda a sexta o primeiro ao vivo do dia será o “Forrozão Asa Branca” e terá entretenimento e músicas de forró pé-de-serra na apresentação do radialista Luiz Carlos Monteiro, a atração irá ao AR das 5hàs 7h.

Logo após os comunicadores Thiago Lima e Kamila Tavares apresentam o “Café com Notícia”, que trará às primeiras informações da manhã, com ênfase para o noticiário local e pelo estado.  E vai ao ar das 7hàs 7h30. Dando sequência a programação virá o programa “Manhã da Gente”, com apresentação de Thiago Lima. Essa é uma das apostas da Asa Branca FM. Ele terá informações, oração, músicas e entrevistas de segunda a sexta. Todos os assuntos de entrevistas serão debatidos nesse programa. Temas como: saúde, política, música e assuntos locais serão expostos no Manhã da Gente, além de quadro para reclamações dos cidadãos.

Ainda durante o período matinal, seguirá a parceria da rádio com a Rede Evangelizar, que gera o programa “Experiência de Deus” com Padre Reginaldo Manzotti. O ouvinte poderá acompanhar de segunda a sábado às 10h.

O “Estação Asa Branca” continuará na FM, mas com uma nova apresentação e roupagem diferente. A radialista Paula Silva apresentará o programa que terá entretenimento, músicas, participações dos ouvintes e formações católicas. Quem chega mais cedo na programação FM é o Padre João Carlos que começará o “Tempo de Paz” às 13h. Em seguida às 14h vem o “Alegria no Ar”, estreante da nova grade. Ele será apresentado por Rickson Bruno e Joanny Deise e terá músicas católicas, o terço da divina misericórdia, evangelho e informações da Igreja Católica.

O final de tarde será com forró-pé-de-serra, às 16h começará o “Forrozão Asa Branca – Parte II” e terá a estreia na emissora do músico Herinho Monteiro. Já às 18h é momento do programa “Com o terço na mão” e terá Joanny Deise no comando. O romantismo estará no ar a partir das 20h no “A noite é sua” com Luiz Carlos Monteiro. O último programa ao vivo será “A boa nova pra você”, grupo de oração a partir das 22h com Kamila Tavares.

A partir da 0h começa o programa “Iluminados pela palavra” com pregadores católicos. 1h terá o “Hora cheia”, espaço com músicas católicas. 2h “Ofício de Nossa Senhora” da Comunidade Shalom. 3h “Hora da Misericórdia” com a comunidade Canção Nova. Já às 4h o programa “Curados pela palavra” com pregadores católicos. A grade da madrugada será a mesma nos finais de semana.

Aos sábados a programação terá às 6h o “Anunciando a Boa Nova” com a Comunidade Boa Nova. Na sequência vêm “A voz do Seminário” às 7h, “Whatsapp da Semana” com músicas mais pedidas às 8h.  Já às 9h “De Coração a Coração” com o Apostolado da oração. Padre Reginaldo apresenta às 10h o “Experiência de Deus” e às 11h o “Fé em debate”.

Seguindo o roteiro do dia, às 12h o “Programa Expressão” da Escola Paulo Freire. Às 13 “Só MPB”, às 14h o “Lamparina” produzido pelo IF-Sertão campus Salgueiro. O “Igreja em missão” com Padre Romilson Lima chegará mais cedo às 15h e na sequência às 16h o “Hora da Fé” da Paróquia Santa Cruz. o “Hora Cheia” será às 17h. O “Ofício de Nossa Senhora” às 18h com a Comunidade Shalom. Quem gosta de novelas poderá ouvir às 19h o “Especial de Novelas” com músicas do gênero. Logo após vem o “Paradão Sertanejo”. Já às 22h “A hora do rei” e depois músicas internacionais.

Aos domingos às 6h “Pelas Veredas do Sertão” com Cassimiro Veredas irá ao ar até às 8h. O “Programa Mãe da Vitória” é o próximo às 8h. Durante o domingo programas musicais e pregações serão veiculados, além da transmissão de duas missas: às 9h na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e às 19h na Catedral de Santo Antônio.

A Asa Branca FM 91,5 tem seu principal foco na evangelização, a emissora administrada pela Comunidade Boa Nova continuará a levar a mensagem do evangelho aos mais diferentes lugares. Seu slogan nessa nova fase: “Asa Branca FM, a boa nova pra você.”

Enviado por: jornalismo asabrancaam

2 COMENTÁRIOS

  1. Um comentário sobre “Rádio Asa Branca migra para a frequência FM no próximo domingo”

    Machado Freire
    5 de dezembro de 2018 em 23:52
    Tive a grata satisfação de acompanhar bem de perto o processo (uma luta titânica ) para que Salgueiro e o Sertão Central conquistasse sua primeira emissora de Rádio, pois nos idos do final da década de 1950, foi dada a primeira oportunidade, através da cessão de um prefixo ao empresário e senador Francisco Pessoa de Queiroz, que construiu o império conhecido como Sistema Jornal do Commercio.

    O fato é que ficou só no prefixo mesmo, apesar da amizade que F. Pessoa de Queiroz mantinha com o empresário Veremundo Soares, o coronel Veremundo Soares.

    Lutei para “cair a carne dos ossos” juntamente com meu amigo Olimpio Barros, o inteligente radiotécnico conhecido por Olimpio de Nanô para colocar uma rádio em funcionamento na nossa cidade. Olímpio, com a sua rara inteligência, confeccionou um sistema que permitia o funcionamento de uma emissora de Rádio AM.

    Inicialmente, ele colocou em funcionamento um sistema de som que funcionava com “bocas de auto-falantes” e, ao mesmo tempo era transmitido pelas ondas sonoras de uma emissora de rádio que batizamos com o nome de Miramar Publicidade.

    A rádio chegou a ser sintonizada em Serra Talhada, causando inveja a muita gente de lá, como cidade maior e mais evoluída.

    Fui várias vezes ao Recife tentar um entendimento com as chamadas “autoridades” do Dentel (orgão federal ligado à Presidência da República”, mas não consegui a autorização, que dependia da abertura de um processo licitatório, cheio de exigência.

    Desistimos da rádio. Olímpio continuou com sua empresa de publicidade e eu parti para fundação do jornal o Estudante.

    O fato é que surgiu o padre Mansueto de Lavor, filho ali de Serrita, que já havia ajudado a Dom Antonio Campelo de Aragão (bispo de Petrolina) a fundar a Emissora Rural, a Voz do São Francisco, com muita dificuldade, em plena ditadura.

    Mansueto já havia “enveredado” na política quando teve a ideia de instalar uma rádio em Salgueiro, e conseguiu com muitas dificuldades, pois enfrentava uma brutal resistência do sistema que sofria uma profunda influência do grupo governista da família Coelho.

    Meu amigo que foi deputado estadual, deputado federal e Senador da República, empreendeu uma grande luta que resultou em um entendimento dom Sazinho, Antonio Dedé, Eurico Muniz e Abdoral Pereira, colocando como uma estratégica importante, a participação de Luiz Gonzaga do Nascimento, nosso querido Gonzagão, e a Diocese de Petrolina.

    Este é o resumo da bela história sobre a conquista da nossa querida Asa Branca, que acaba de somar mais uma grande vitória, ao migrar sua frequência AM1570 para AM 91.5 MHz.

    Viva a Asa Branca, minha gente!!!!

  2. bem vinda a nossa pioneira da am agora nas ondas cristailnas de fm onde tive o prazer de ser correspondente esportivo no comando doe sporte de paulo barbosa agora na salgueiro fm a asa branca am devera ser maisum grande canal de divulgacao da pascom da paroquia nossa senhora da conceicaoda nossa cabrobo na frequencia 95.1 . parabens bispo dom magnus e toda comundade catolica do sertao central e vale do sao francisco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome