SecMulher promove Seminário Estadual dos Núcleos de Estudos de Gênero e Enfrentamento da Violência contra a Mulher

Postado em 13 de novembro de 2017

????????????????????????????????????

????????????????????????????????????

Nesta terça-feira, será assinado protocolo para ampliação dos núcleos no Estado

Uma ação pioneira do Governo do Estado, que vem transformando a realidade de estudantes das escolas pernambucanas, será ampliada. Nesta terça-feira (14), as Secretarias da Mulher do Estado e de Educação assinam o protocolo de intenção para a criação de mais 15 Núcleos de Estudos de Gênero. A iniciativa vai ampliar de 193 para 208, o número de unidades nas instituições de ensino do Sertão, Agreste, Zona da Mata e Região Metropolitana do Recife. Os núcleos vêm sendo implantados nas escolas de ensino médio, técnico subsquente e instituições de ensino superior desde 2011.

A assinatura ocorre durante o Seminário Estadual dos Núcleos de Estudos de Gênero e Enfrentamento da Violência contra a Mulher, que acontece no Hotel Jangadeiro, em Boa Viagem. Representantes de Escolas de Referência em Ensino Médio (EREMs), Escolas Técnicas Estaduais (ETEs), Instituições de Ensino Superior (IES) e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE), estarão reunidos para fortalecer a política de gênero dentro das instituições de ensino formal.

A secretária da Mulher do Estado, Silvia Cordeiro, esclarece que a grande missão deste projeto é a conscientização e mobilização das novas gerações para enfrentar a intolerância com as desigualdades sociais, culturais, econômicas, políticas e as discriminações contra as mulheres, além do comprometimento dos agentes governamentais e não-governamentais com a promoção da igualdade.

“Pernambuco é o único estado da Federação que vem desenvolvendo, nas escolas públicas, esse trabalho pedagógico que conscientiza alunas e alunos sobre a importância do respeito às pessoas independente de sua condição de gênero. Essa é uma iniciativa que desconstrói o machismo, preconceito e a misoginia transformando as pessoas para viverem em harmonia numa sociedade preparada para conviver com as diferenças”, justificou a gerente de Formação em Gênero da Secmulher-PE, Juliane Oliveira.

Nessa edição, a Participação Feminina nas Ciências, Empoderamento Feminino, com foco nas liberdades democráticas e dos direitos no que se refere às questões de gênero e combate às violências serão os principais temas a serem debatidos.

Os debates, que vão reunir cerca de 150 participantes, contarão com a presença de professoras e pesquisadoras, entre elas Giovanna Machado – pesquisadora do Centro de Tecnologia e Estudos do Nordeste/CETENE, Zoracy Guerra – assessora da Secretaria Executiva de Educação Profissional, Juliana Carlinda – Professora da Faculdade do Sertão do Pajeú/FASP, Nathália da Mata Atrouch – professora do IFPE campus de Belo Jardim e Maria do Rosário Silva – Doutora pela Universidade Federal de Pernambuco e Consultora em Gênero.

Essa é uma das ações realizada pela SecMulher-PE em parceria com a Secretaria Estadual de Educação, através da Secretaria Executiva de Educação Profissional, para apoiar a implantação de Núcleos de Estudos de Gênero e Enfrentamento da Violência Contra a Mulher no Estado de Pernambuco.

Foto; arquivo SecMulher-PE



Deixe uma resposta



Mensagem Biblíca
Se clamares por conhecimento, e por inteligência alçares a tua voz, ... Provérbios:2:3