À espera de liberação, goleiro Bruno pode voltar a jogar futebol

0

À espera de liberação, goleiro Bruno pode voltar a jogar futebol

Condenado a 22 anos e três meses de prisão pelo assassinato de Eliza Samúdio, o ex-goleiro Bruno Fernandes pode voltar aos gramados ainda em 2014. Segundo revela o jornal O Tempo, nesta sexta-feira, os advogados do jogador com passagens por Atlético-MG, Flamengo e Corinthians levarão à Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem (MG), um contrato do Montes Claros válido por cinco anos para que Bruno atue no Módulo II do campeonato de Minas Gerais.

Ao assinar o vínculo – o último dia de inscrições para o torneio é hoje -, Bruno Fernandes ficaria no aguardo de uma possível transferência para o norte de Minas Gerais (onde está Montes Claros). Tanto a federação mineira quanto a CBF já estariam à espera da documentação do ex-goleiro.

“Queremos dar uma oportunidade para o homem Bruno. Para ele, é uma chance de voltar a jogar. Para o clube, é um atleta para reforçar o time e uma forma de investirmos no lado social”, disse o presidente do Montes Claros, Ville Mocellin, ao diário. A Justiça, porém, é o entrave para Bruno.

A defesa do ex-goleiro já fez dois pedidos de transferências em janeiro deste ano, segundo o jornal (um para Montes Claros e outro para Nova Lima, onde mora sua mãe), mas ambos foram negados.

Bruno, de 29 anos, está preso desde junho de 2010, quando atuava pelo Flamengo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome