Acusados de corrupção, vereadores presos de Caruaru conseguem liberdade provisória

0

Acusados de corrupção, vereadores presos de Caruaru conseguem liberdade provisória

Oito dos dez vereadores de Caruaru presos na Operação Ponto Final, da Polícia Civil, conseguiram a liberdade provisória nesta terça-feira (24), véspera de Natal. Advogados dos políticos enviaram o habeas corpus para o plantão do Tribunal de Justiça, que deferiu o pedido.

Todos os dez vereadores presos na operação devem conseguir a liberação ainda nesta terça-feira”, informou o secretário Jurídico, Bruno Martins. Segundo ele, o juiz de plantão Pierre Souto Maior, da 2ª Vara Criminal de Caruaru, já recebeu o e-mail do Tribunal de Justiça para que os alvarás de soltura de parte dos vereadores fossem expedidos. Outra notificação referente à liberação de Jadiel e Cantarelli ficou de ser encaminhada para o juiz de plantão ainda nesta terça.

O legislativo municipal está em período de recesso e só retomará as atividades no dia 02 de janeiro. A ordem de prisão dos vereadores partiu do juiz da 4ª Vara Criminal de Caruaru, Francisco Assis de Morais Júnior. Os políticos são acusados de tentar obter vantagens indevidas para aprovar projetos do Executivo na Câmara Municipal. Entres os presos, Jadiel Nascimento (PROS), Sivaldo Oliveira (PP), Val das Rendeiras (PROS), Cecílio Pedro (PTB) são da base do governo, enquanto que Val (DEM), Louro do Juá (DEM), Eduardo Cantarelli (PS), Neto (PMN), Evandro Silva (PMDB) e Jajá (PPS) atuam no campo da oposição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome