Eduardo Campos deve fixar residência em São Paulo a partir de abril, diz Veja

0

Eduardo Campos deve fixar residência em São Paulo a partir de abril, diz Veja

Pela segunda vez, o governador Eduardo Campos (PSB), que é pré-candidato à Presidência da República, deve deixar o Recife para dedicar-se à campanha política. Em 1995, época em que era deputado federal, o socialista mudou-se para Brasília. Desta vez, o destino é São Paulo, onde vai funcionar o comitê, a produtora e o estúdio da campanha. Uma matéria de três páginas publicada na Revista Veja esta semana esmiúça os motivos da partida.

Marina Silva, provável vice do socialista, também vai mudar de endereço e se integrar ao grupo. Segundo a revista, a viagem foi pensada pelo argentino Diogo Brandy, marqueteiro que acompanha Eduardo há dez anos. Estimativas do argentino cogitam que, com a mudança, a chapa Eduardo-Marina pode atrair 30% do eleitorado paulista. O Estado de São Paulo concentra um quarto do eleitorado brasileiro.

A matéria também diz que Marina Silva deve se lançar como vice da aliança PSB-Rede no programa de TV do PSB, que deve ir ao ar no fim deste mês. A decisão é resultado da promessa do PSB não apoiar o PSDB em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome