Encontro apresenta programa de formação e inserção de jovens na área de tecnologia

0

Profissionais de RH vão conhecer o perfil da formação dos jovens do Com.Domínio Digital 4.0 e conversar sobre desenvolvimento de soft skills e expectativas de carreira na área de tecnologia.

O Instituto Aliança promove, na terça-feira (dia 18), uma apresentação dirigida aos profissionais de recursos humanos das empresas de tecnologia do Recife. O encontro vai apresentar a formação dos jovens e proporcionar uma roda de conversa para que os recrutadores conheçam como é a formação, tirem dúvidas junto aos jovens sobre como o desenvolvimento na área de programação. O evento estabelece uma ponte entre os jovens e as empresas, em busca de agilidade e otimização para os processos seletivos, deixando-os mais assertivos. Será no Porto Digital, no espaço Apolo 235, das 14h30 às 17h, no Bairro do Recife.

O Instituto Aliança (IA) é responsável pelo Programa Com.Domínio e a versão Com.Domínio Digital 4.0 foi criada em janeiro com foco em tecnologia, na programação de software com lógica de programação, python, java e banco de dados. A formação é dirigida para 100 jovens, este ano, mais 100 em 2023, da Região Metropolitana do Recife, que tenham renda familiar de até três salários mínimos. O IA tem 20 anos na área de inserção socioprodutiva e já capacitou cerca de 36 mil pessoas.

O Com.Domínio Digital 4.0 foca na formação gratuita em programação. É uma formação estratégica, em razão do crescimento do setor de tecnologia no Recife e da necessidade de suprir o crescente mercado de trabalho. Concluída a formação, os jovens do CDD 4.0 são acompanhados por uma profissional dedicada à inserção no primeiro emprego. Apresentar todos os detalhes da formação e das facilidades que o acompanhamento produz são outras das justificativas para este encontro.

Com 330 horas/aula, a formação acontece no ambiente do SOFTEX Recife e está dividida em nível básico e avançado. O diferencial do curso é o ensino das competências socioemocionais, as soft skills, mais do que essenciais para a empregabilidade em funções iniciais. As soft skills são dadas na formação como a capacidade de trabalhar em grupo, resiliência emocional, autogestão, comunicação assertiva, autoestima, capacidade de resolver problemas complexos, raciocínio crítico, abertura ao novo, entre outras habilidades que estimulam os jovens na contribuição de melhorias do ambiente de trabalho.

O coordenador do Programa Com.Domínio Digital 4.0, Daniel Barros, acredita que o CDD 4.0 entregará para o mercado de trabalho de tecnologia, no Recife, os melhores profissionais para as funções iniciais de programador de software. “São jovens que detém o conhecimento técnico e se destacam com as competências emocionais fundamentais para o desenvolvimento das equipes e empresas. São jovens que já entendem que o conhecimento técnico não é o suficiente para o desenvolvimento de suas carreiras”, explica Daniel Barros.

O IA é uma organização da sociedade civil de interesse público que há 20 anos atua na formação e preparação de jovens para o mundo do trabalho, no desenvolvimento de metodologias educacionais e na construção de soluções sustentáveis para o desenvolvimento humano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome