Lucas Ramos, “sangue novo” na política do São Francisco

0

Lucas Ramos

O Partido Socialista Brasileiro (PSB)   trabalha, a partir de  Petrolina,  para recuperar   sua representação na  Assembleia Legislativa  até então ocupada pelo deputado  Odacy Amorim, que migrou para o Partido dos Trabalhadores (PT)   e já conta com um nome que  tem raiz na política regional,  afirmação  e compromisso com o governador Eduardo Campos.  Trata-se do  administrador de empresas  Lucas Ramos.

O nome de Lucas Ramos  está sendo avaliado como  “um sangue novo”  na políciado São Francisco,   em condições de  somar apoios de  novas lideranças  e  respaldo junto  a segmentos  com maior vivência  na região.

Com menos de 30 anos de idade, Lucas Ramos  teve a preocupação de se preparar  para este momento  que exige  um jovem capaz de representar uma grande região na Assembleia Legislativa. “ Passei a minha infância  em  Petrolina, com meus pais e meu irmão.  T terminei os  estudos em Recife, e a pós-graduação em São Paulo, voltei  para minha região para continuar ao lado da minha família e meus amigos”, explica o   pré-candidato  socialista.

O fato de ter  origem em um “berço político” (é filho do ex-vereador e ex-deputado Ranilson Ramos, hoje conselheiro do Tribunal de Contas do Estado), contribuiu levou Luca Ramos  a participar  do movimento universitário no Recife. “Estive presente, desde menino, nas campanhas do meu pai e do nosso grupo político na região e no Estado e   isso contribuiu para que eu  militasse politicamente  como secretário de comunicação do Diretório Acadêmico da Faculdade  Integrada do Recife,  onde cursei Administração de Empresa, além de secretário geral do Diretório Central dos Estudantes, por dois anos,”assegura.

Criado/orientado/preparado para encarar o mundo desde criança, Lucas Ramos foi  estagiário do Sebrae/PE, onde  se capacitou em Planejamento e  Gestão, permitindo que  com 19 anos,  abrisse sua primeira empresa no segmento de propaganda e publicidade,  que mantém até hoje .   “Ao lado disso –relembra, acompanhei esforço  do meu pai  para derrubada do voto secreto na Assembleia Legislativa, permitindo que os representantes do povo  trabalhe com mais transparência e independência.

Lucas Ramos  conclui lembrando que juma coisa que o deixou  cada vez mais vocacionado  para a vida pública, foi acompanhar  o governador Miguel Arraes  coordenar o maior programa de eletrificação rural da  América Latina, o Luz  no Campo. “Com o então ministro de Ciências e   Tecnologia, Eduardo Campos, vi a elaboração e implantação de programas de fomento  ao desenvolvimento de atividades vocacionais, os Arranjos Produtivos Locais, em todo o estado . Talvez a maior de todas as ações, dentre tantas outras não mencionadas,  foi a universalização da água durante o governo de Eduardo Campos”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome