Por Robson Patrício, a palavra hoje é “FINGIMENTO*”.

0

robson patricio

Vivemos num país de faz de conta, fingindo que está tudo bem, que nossos alunos estão passando de ano letivo por conta do aprendizado, que nosso sistema de segurança não carece de mudanças, que os partidos políticos são necessários para o processo democrático; quando na verdade deveríamos cair na real e saber que o sistema educacional está ultrapassado e só atende as necessidades do governo; deveríamos entender que o militarismo não mais aceito pelos órgãos internacionais e nem tão pouco pela população brasileira, já devia ter sido mudado, criando uma nova estrutura de modelo de gestão em segurança, reduzindo a uma única polícia com suas atribuições diversas; não mais aceitar os partidos políticos monopolizadores, proporcionando assim, uma oxigenação das “caricaturas” a cada dois anos, pois o cidadão eleitor não mais dependeria dos partidos e sim apenas de sua espontânea vontade a se dirigir ao cartório eleitoral e fazer seu registro, acabando com as oposições e situações nas câmaras, onde na verdade deveríamos ter apenas os representantes do povo; por isto temos de parar de FINGIMENTO e mudar a cara da política dizendo NÃO a tudo isto que está aí se perpetuando há anos no poder de forma maquiada.

*s.m. Ação de fingir; simulação, hipocrisia, dissimulação. Artifício, simulacro, ficção

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome