Programa Universidade para Todos em Pernambuco chega a 9.500 alunos

0

PE universidade

Doze mil bolsas de estudo serão concedidas pelo Governo do Estado, através do Programa Universidade para Todos em Pernambuco (Proupe) em 2014. O programa é responsável pela promoção da interiorização do ensino superior como política de desenvolvimento regional. A concessão de bolsas de estudo para alunos das 13 autarquias municipais de ensino superior no Estado, distribuídas uniformemente na Zona da Mata, Agreste e Sertão, prioriza as licenciaturas nas áreas de matemática, física e química. Entre 2011 e 2013, o programa atingiu a marca de 9,5 milestudantes e recebeuinvestimentosde R$ 34 milhões.

Hoje, os alunos ganham bolsas totais ou parciais, por critério de mérito acadêmico, em um total de 34 cursos. Como contrapartida social, eles são obrigados a prestar atividades socioeducativas nas escolas públicas municipais e estaduais, como reforço escolar, entre outras, sob a supervisão de docente.Às autarquias, por outro lado, cabe fazer investimentos, de pelo menos 5% dos recursos recebidos, na melhoria da qualidade, das condições de oferta e de qualificação dos professores.

Os resultados já começam a aparecer. Com a criação do Proupe, a rede de autarquias aumentou em 50% o número licenciaturas em matemática, física e química, passando de nove para 14 cursos ofertados. O Programa foi responsável, ainda, pela abertura de cursos nos municípios do Cabo de Santo Agostinho, Limoeiro e Araripina.

Além disso, as demais instituições de ensino aumentaram consideravelmente o número de turmas, a exemplo da autarquia de Serra Talhada, que possuía apenas uma turma de matemática com 15 alunos e, hoje, possui três, cada uma com 50 estudantes. Mais de 30 projetos de contrapartida social, por parte dos alunos, já foram elaborados e estão sendo implantados nas cidades-sedes das autarquias.

Contrapartida – As atividades socioeducativas dos bolsistas ganham cada vez mais importância nas escolas vizinhasdas autarquias. Existem mais de 2,4 mil projetos sociais envolvendotrês mil bolsistas.As atividades são amplas e inclui reforço escolar; atendimento jurídico gratuito, ações de educação direcionada à criação de hortas comunitárias, formação de cultura cidadã, preservação ambiental, apoio pré-vestibular, oficinas de leitura e estética da recepção.

Com informações da Secretaria de Ciência e Tecnologia

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome