Arroz Valdivino - Clique e assista

Parceiros:

Instagram

  • Niver do filho

Sebrae realiza Semana de Crédito e Renegociação de Dívidas de Paudalho

Postado em 20 de novembro de 2017

Semana de Crédito - Programação 1

Com a parceria junto à Prefeitura de Paudalho, os produtores rurais da região podem receber até 95% de desconto

A Unidade Mata Norte do Sebrae em Pernambuco promove, entre os dias 21 e 23 de novembro, a Semana de Crédito e Renegociação das Dívidas de Paudalho. O evento é realizado em parceria com a Prefeitura de Paudalho, por meio da Secretaria de Desenvolvimento, Agricultura e Meio Ambiente e Banco do Nordeste e prevê descontos de até 95% no pagamento das dívidas de produtores rurais. As inscrições podem ser feitas no site do Sebrae ou no Pátio de Evento Beira Rio, local da ação.

Durante a Semana, haverá atendimento individual para renegociação de dívidas e crédito com o Banco do Nordeste, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Agefepe/PE. De acordo com o gerente da Unidade Mata Norte do Sebrae em Pernambuco, Leonardo Carolino, essa é uma ótima oportunidade para sair do vermelho. “Este público só tem até dezembro para fazer essa renegociação e a semana de crédito é uma forma de facilitar isso para eles. A nossa expectativa é que mais de 400 produtores rurais da região possam quitar suas dívidas com desconto”, comenta.

Além da ação, ainda haverá consultoria, palestras e oficinas para os produtores rurais e comerciantes de Paudalho e região sobre diversos assuntos como o segredo das mídias sociais na crise e os benefícios previdenciários para o Microempreendedor Individual (INSS).

Programação Ler Mais



Stilo-Motos-GIF

Prefeito de Belém do São Francisco vai fechar as portas da prefeitura nesta terça-feira (21)

Postado em 20 de novembro de 2017

Prof. Licinio

Os municípios do Brasil e em especial os que dependem dos repasses do FPM estão vivendo situação de penúria total, a cada mês os prefeitos são obrigados a fazerem as verdadeiras manobras da economia para manter ao menos a folha com efetivos em dia. Por conta dessa situação e com a intenção de pressionar o governo federal por mais recursos, a maioria dos prefeitos brasileiros vão está amanhã e depois em Brasília para uma grande manifestação. Muitos já se encontram por lá em busca de boa noticias nos ministérios e de mais ajuda dos deputados e senadores, é o caso do prefeito de Belém do São Francisco, Professor Licinio Lustosa.

Por sinal, diante dessa situação cada vez mais dramática em que se encontra o município de Belém do São Francisco, o prefeito Professor Licinio Lustosa, determinou o fechamento da prefeitura e de todos os órgãos públicos da administração municipal, com exceção os de serviços essenciais. A decisão será tomada nesta terça-feira (21), podendo se estender até a quarta-feira (22), dependendo do que for decido pela Confederação Nacional dos Municípios. A decisão do prefeito de Belém do São Francisco pode ser uma antecipação do que vai acontecer em todo Brasil.

O prefeito do município de Belém do São Francisco, Professor Licinio Lustosa, falou por telefone com a redação do Blog, o mesmo lamentou ter que tomar essa decisão. Ainda de ainda de acordo com o gestor municipal, é preciso que o governo federal e os congressistas encontrem uma saída resolver a crise financeira dos municípios brasileiros. Licinio disse ainda acreditar em uma solução urgente para o problema do momento, ou caso contrario, a situação vai ficar insustentável e quem vai sofrer as conseqüências é sempre os que mais precisam.



ArrozValdivino_post

Alimentação Escolar oferecida em escolas municipais de Araripina concorre a prêmio nacional do MEC

Postado em 20 de novembro de 2017

thumbnail_2 (3) thumbnail_3 (2) thumbnail_5 (1)

O município de Araripina está participando da 1ª Jornada de Educação Alimentar e Nutricional promovida pelo Ministério da Educação por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE. O concurso, que tem como objetivo incentivar o debate e a prática das ações de educação alimentar no espaço escolar,vai premiar as melhores ações desenvolvidas nas escolas públicas de educação infantil, tendo em vista a promoção da alimentação saudável e a prevenção da obesidade infantil.

A jornada é composta por seis etapas: alimentação complementar e prevenção da obesidade infantil; Alimentos regionais brasileiros; Prevenção e redução de perdas e desperdícios de alimentos; Horta escolar pedagógica; Agricultura familiar na escola; Atividades lúdicas para o desenvolvimento social e relacionado ao ato de comer.

Em Araripina, as ações foram realizadas nas creches Mãe Corina (Vila Serrania) e Coração de Maria (Cavalete) e acompanhadas pela nutricionista Jocasta Carvalho (responsável técnica pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar – PNAE), a coordenadora Maria do Socorro Pinheiro, alunos, pais, professores e manipuladores de alimentos da rede municipal.

Dentre os cinco melhores relatos do Brasil, o tema “Alimentação complementar e prevenção da obesidade infantil”, desenvolvido na creche Mãe Corina, foi selecionado para compor o livro da Jornada que será lançado em março do próximo ano.

Araripina-PE: Secretaria Executiva de Comunicação




Muito prazer, Maria José!

Postado em 20 de novembro de 2017

mj-horz

Como uma mulher entrou em um mercado dominado por homens e se tornou referência em implantação hoteleira no país

Curitiba, 20/11/17 – Os tempos mudaram, são outros, mas ainda hoje as mulheres enfrentam dificuldades no mercado de trabalho. Imagine isso vinte anos atrás, quando Maria José Gamballe, uma mulher visionária, iniciou no ramo da implantação hoteleira. Atuava de uma forma diferente com decoração de interiores e projetos, pois possuía loja física focada em clientes residenciais, mesmo executando alguns projetos comerciais. Para conquistar espaço no mundo corporativo, principalmente na hotelaria, foi à base de muita dedicação, competência e comprometimento com os clientes, “muitos se tornaram grandes amigos”, conta a empresária.

Maria José (MJ) sempre foi proativa em busca de novas tendências, conhecimentos e desafios. Aos 25 anos, abriu seu primeiro negócio que se transformou em uma das mais referenciadas lojas de decoração de Curitiba, capital do Paraná, ao mesmo tempo em que mantinha um escritório de arquitetura e interiores, bem como vários serviços relacionados à decoração.

Assim, surgiu a base para MJ inaugurar e celebrar seu pioneirismo, fundindo a pluralidade de competências essenciais neste tipo de mercado com um atendimento personalizado a cada cliente, nascendo a G2 Implantação e Consultoria Hoteleira, hoje com mais de 30 mil unidades hoteleiras implantadas, tendo passado por 150 empreendimentos de sucesso.

O COMEÇO

Maria José passou sua infância num dos prédios históricos da capital paranaense, o Edifício Rockfeller, que por força do destino virou seu primeiro hotel implantado. “Vi o prédio cercado por tapumes e a nostalgia me fez querer ver o apartamento onde cresci, pedi ao mestre-de-obras e subi até minha antiga casa, tudo estava bastante parecido, até mesmo um aviso deixado por meu pai (in memoriam) dentro da caixa de fusíveis. Foi um momento mágico.”

Este foi o start para uma nova jornada de sucesso.

A MARIA JOSÉ NOS DIAS DE HOJE

Hoje, Maria José está à frente da G2 Implantação Hoteleira e Consultoria, como sua Diretora Executiva. Além de supervisionar todas as implantações, inclusive in loco, sua opinião é detalhista e presente em todos os processos de criação e desenvolvimento arquitetônico e/ou decorativo, o que faz com felicidade e conhecimento inigualável, junto de sua equipe. Ler Mais



Atel

Finalista, Petrolina participa de votação popular do programa Conviva que premia boas práticas de gestão na Educação no Brasil

Postado em 20 de novembro de 2017

conviva

Petrolina está concorrendo a mais um prêmio na área de Educação. Desta vez, é na 3ª Ação de Reconhecimento do programa Conviva Educação.

A cidade está entre os dez municípios selecionados, dos 199 inscritos, por conta do projeto ‘Inserção tecnológica de dados do RH (Recursos Humanos)’ como iniciativa que impactou positivamente a gestão da educação municipal. O objetivo da Ação de Reconhecimento é valorizar as iniciativas que promoveram melhorias na gestão da educação pública municipal por meio do uso da plataforma.

Para se consagrar vencedora da premiação, a votação nesta etapa será popular e online. A partir desta segunda-feira, 20 de novembro, está aberta a votação para escolha a partir dos vídeos produzidos. A votação deve ser realizada por meio do link:  http://bit.ly/2zgMJOa. Para votar, é necessário ter conta no Facebook. Só é permitido um voto por usuário e não será possível alterá-lo. O prazo final da votação é 27 de novembro.

A divulgação final do resultado com os três municípios vencedores será realizada no dia 30 de novembro. Os vencedores serão premiados com uma viagem ao exterior para que possam conhecer projetos e iniciativas educacionais de sucesso. “Nossa equipe fez uma bela apresentação do uso do Conviva que iniciamos este ano e agora está na fase da votação popular. Petrolina está representando Pernambuco. Peço a cada um de vocês que nos ajudem mobilizando sua rede de contatos para votar”, ressalta Maéve Melo, secretária de Educação.

Conviva Educação

O Conviva Educação é uma plataforma gratuita que tem por objetivo apoiar os dirigentes municipais de educação e equipes nos processos de gestão das secretarias, diretorias ou redes de ensino. Criado em 2013, o Conviva já possui mais de 4.500 municípios cadastrados, equivalente a aproximadamente 80% do Brasil e trabalha em parceria com outras instituições como a Undime, Itaú Social, Fundação Roberto Marinho, Instituto Natura.

Monyk Arcanjo/Coordenadora de Imprensa da Prefeitura de Petrolina




Ciclismo traz medalha inédita para Pernambuco no encerramento das modalidades individuais dos Jogos da Juventude

Postado em 20 de novembro de 2017

Ciclismo traz medalha inédita para Pernambuco no encerramento das modalidades individuais dos Jogos da Juventude

Estado ainda garante conquistas no atletismo, natação, judô e ginástica rítmica

Pernambuco encerrou as modalidades individuais dos Jogos Escolares da Juventude Infantil (para atletas de 15 a 17 anos) com mais medalhas. E uma delas foi inédita. Angeson Silva (Escola Inocêncio Correia Lima – Ibimirim) quebrou paradigmas e conquistou a prata no ciclismo, a primeira do Estado na modalidade em edições dos Jogos. Além dele, os pernambucanos ainda subiram ao pódio no atletismo (ouro e bronze), ginástica rítmica (bronze), natação (bronze) e judô (bronze).

Angeson é natural de Ibimirim, no Agreste pernambucano, e vinha buscando uma medalha no ciclismo há dois anos. Em 2017, o atleta tentou ficar perto do pódio nas provas de circuito e contra-relógio (conquistou o 6º e o 9º lugares, respectivamente), mas pequenos detalhes fizeram a diferença e o tiraram da chance de medalhar. Na última disputa, a prova de estrada, sua especialidade, Angeson controlou a ansiedade e finalmente pôde comemorar uma medalha nos Jogos da Juventude. E ela veio com um final emocionante: a corrida foi decidida na linha de chegada, com o pernambucano, o paranaense Pedro Rossi e o catarinense Danilo Carvalho chegando juntos, “roda com roda”. No detalhe, Pedro ficou com o ouro, Angeson levou a prata e Danilo, o bronze. “Foi super emocionante essa prova. Treinei bastante para isso, me dediquei muito para conquistar essa medalha inédita para o Estado. Passou um filme na minha cabeça de todos os treinos que fiz, acordando às 4h30 para pedalar. Valeu a pena tudo”, ressaltou.

AVALIAÇÃO DO TREINADOR: Um dos mais emocionados com a conquista de Angeson foi o treinador da delegação pernambucana de ciclismo, José Roberto Freitas, e também técnico pessoal do medalhista. “Batemos na trave nos dois últimos dias, por detalhes, pequenos erros, ele não conseguiu o pódio. Mas hoje deu tudo certo, ele encaixou a prova, veio no pelotão de frente, conseguiu se destacar e comandar as ações. Essa prata vem para coroar a dedicação dele, que vem evoluindo na modalidade nos últimos anos”, comentou.

OURO E BRONZE NO ATLETISMO: Mais duas medalhas pernambucanas nos Jogos da Juventude vieram do atletismo. Maria Lucineida da Silva (EREM Margarida Falcão – Pesqueira) não deu chances às adversárias na prova dos 3.000 metros e garantiu o ouro. Ela finalizou o percurso em 10min47s79 para assegurar o primeiro lugar, enquanto a segunda colocada, Giovana dos Santos, de São Paulo, fechou o percurso em 11min12s29 e Thaís Martins, da Bahia, terceiro lugar, terminou com o tempo de 11min12s42. Já Ingrid Gomes (Escola Manoel Borba – Recife), atleta da turma 2017 do Programa Ganhe o Mundo Esportivo, ficou com o bronze do heptatlo. Na maior combinação de provas entre as mulheres destes Jogos, Ingrid assegurou o terceiro lugar ao fazer 4.339 pontos. O primeiro lugar dessa disputa foi para Chayenne Pereira, do Rio de Janeiro, que marcou 4.660 pontos, enquanto a segunda colocação ficou com Paloma Dias, de Minas Gerais, que fez 4.659 pontos.

GINÁSTICA RÍTMICA COM OUTRO BRONZE: A ginástica rítmica pernambucana segue fazendo história nestes Jogos. Depois de assegurarem a primeira medalha para a modalidade em todas as edições, o bronze por equipes da segunda divisão, a ginasta Maria Eduarda Martins (Colégio da Imaculada Conceição – Recife) terminou a competição por aparelhos com o bronze na bola. A jovem fez a marca de 9,300 pontos e ficou empatada com Yasmim Veríssimo, do Rio Grande do Norte, no terceiro lugar. Eduarda de Carvalho, de Minas Gerais, com 11,650 pontos, e Ihane Vitória, de Sergipe, com 10,100 pontos, completaram o pódio com ouro e prata, respectivamente.

DESTAQUE NA NATAÇÃO GARANTE SEGUNDA MEDALHA DA MODALIDADE: Entre os nadadores pernambucanos destes Jogos Escolares da Juventude Infantil, só deu Lisa Ananda (Colégio GGE – Recife). A velocista garantiu mais uma medalha para o Estado e novamente em uma prova do estilo costas. Depois de ficar com a prata nos 50m, ela voltou às piscinas para assegurar o bronze dos 100m com o tempo de 1min08s74. Marina Reis, de Goiás, venceu a prova (1min07s69) e Elysa Maia, do Amazonas (1min08s27), fecharam o pódio na primeira e segunda colocações, respectivamente.

JUDÔ POR EQUIPES SOBE NO PÓDIO: Já nas últimas disputas das modalidades individuais ainda deu tempo de Pernambuco faturar mais uma medalha. Os garotos do judô do Estado ficaram com a terceira colocação na disputa por equipes da segunda divisão após derrotarem o Ceará na decisão do bronze por 3 x 0 (todas vitórias por ippon). O time foi composto por Anderson Gomes (EREM Carlos Rios – Arcoverde), Devid Rodrigues (Escola Padre Antônio Henrique – Recife), Gabriel Nagai (Colégio Elo – Recife), Carlos Vilela Neto (EREM Cardeal Dom Jaime Camera – Moreno), Ryan Amorim (Escola João Matos Guimarães – Olinda), Kayo Fabrício Santos (Colégio Cardeal – Arcoverde), Rafael Gondim (Escola Instituto Presbiteriano de Heliópolis – Garanhuns) e Leonardo D’Agostin (Escola de Aplicação – Recife). Completaram o pódio Rio Grande do Norte e Bahia, segundo e primeiro colocados, respectivamente. O Paraná venceu na outra chave e também garantiu o bronze junto aos pernambucanos.

NÚMEROS GERAIS: 13 medalhas nas 10 modalidades individuais dos Jogos Escolares da Juventude Infantil 2017. 2 ouros, 4 pratas e 7 bronzes.

  • 4 medalhas no judô – 2 pratas, 2 bronzes
  • 3 medalhas no atletismo – 2 ouros, 1 bronze
  • 2 medalhas na natação – 1 prata, 1 bronze
  • 2 medalhas na ginástica rítmica – 2 bronzes
  • 1 medalha no ciclismo – 1 prata
  • 1 medalha na luta olímpica – 1 bronze

MODALIDADES COLETIVAS: Nesta segunda-feira (20), enquanto os atletas das modalidades individuais retornam a Pernambuco, as equipes pernambucanas das modalidades coletivas chegam a Brasília. Ao todo, nesta fase, serão 80 alunos-atletas representando o Estado.




Vale do São Francisco vai receber grandes nomes do teatro mundial

Postado em 20 de novembro de 2017

banner instagram

Integrantes do OdinTeatret, um dos mais importantes e respeitados grupos de teatro do mundo, Eugênio Barba e Julia Varley são convidados do projetoPontes Flutuantes

Petrolina (PE) e Juazeiro (BA) irão receber nos dias 12 e 13 de dezembro dois grandes nomes do teatro mundial:o diretor teatral Eugênio Barba e a atriz Julia Varley, ambos integrantes do OdinTeatret, sediado na Dinamarca. Os artistas chegam à região para participar do projeto Pontes Flutuantes – diálogos para cena, iniciativa da Cia Biruta de Teatro, que propõe o intercâmbio cultural e a troca de experiências entre artistas locais e grupos de teatro do Brasil e do mundo.

Quais as semelhanças e diferenças entre o teatro que se faz no Vale do São Francisco e no resto do mundo? Essa é uma das questões que norteiam a realização do Pontes Flutuantes em sua primeira edição. O projeto nasce com o objetivo de celebrar o fazer teatro e aproximar os diversos pensamentos acerca da autonomia do teatro como arte e como área de conhecimento e expressão dos modos de organização coletiva ao redor do planeta.

“É muito importante para a gente que faz teatro estar em contato e dialogar com outros grupos para fortalecer o nosso fazer artístico. O Pontes Flutuantes surge nessa perspectiva e com o propósito de criar pontescom artistas de diversas partes do mundo, oferecendouma via de mão dupla e gerando uma reflexão sobre o que somos e o que fazemos”, explica a atriz Cristiane Crispim, uma das organizadoras do evento, lembrando que outra finalidade do projeto é promover a interiorização de encontros e discussões sobre o teatro.

Diretor teatral, ator e dramaturgo, Antônio Veronaldo, que também é responsável pela organização do projeto, já teve a oportunidade de encontrar Eugênio Barba e destaca a importância de tornar esse encontro acessível para outros artistas. “É a primeira vez que um evento desse porte sai dos grandes centros urbanos e vem para o interior do Nordeste. Isso possibilita o contato de artistas que não estão nas capitais com os grandes mestres. Eles ganham a oportunidade de se alimentar dessa experiência e a nossa cena teatral é que acaba se fortalecendo”.

Em cena: Eugênio Barba e Julia Varley

Não foi por acaso que a Cia Biruta convidou a atriz Julia Varley e o diretor Eugênio Barba para inaugurar o Pontes Flutuantes. Eugênio é fundador do OdinTeatret e criador do conceito de antropologia teatral, além de ser um dos maiores pensadores do teatro contemporâneo. Enquanto Julia Varley traz à cidade a apresentação da sua pesquisa em torno da voz do ator, com uma oficina e a demonstração do seu trabalho.

Em dois dias de evento, divididos entre as dependências do Sesc, em Petrolina, e o Centro de Cultura João Gilberto, em Juazeiro, o público vai poder conferir a palestra-demonstração “Pensar através das ações”, a demonstração-espetáculo e a oficina “O Eco do Silêncio”. Todas as atividades fazem parte de um roteiro que é apresentado pelos artistas em diversos países e para participar do Pontes Flutuantes, basta realizar a sua inscrição, através do endereço eletrônico: birutaciadeteatro@hotmail.com.

A programação condensa um pouco da trajetória de Eugênio Barba e Julia Varley e de como eles construíram esse modo de fazer teatro que já tem mais de 50 anos. “Eles vão trazer o conhecimento e a forma como eles construíram esse teatro e esse pensamento sobre o teatro contemporâneo e o teatro antropológico. E nós vamos poder apreender isso em uma exposição que é ao mesmo tempo teórica e prática, porque eles trazem um paralelo entre a reflexão, o estudo, a pesquisa e a prática, a vivência empírica do ator e da atriz. É uma formação completa”, conta Cristiane Crispim.

Programação: Ler Mais



Atel

Desembarcam em Juazeiro os participantes do III Congresso Brasileiro de Educação Ambiental Interdisciplinar

Postado em 20 de novembro de 2017

Congresso Brasileiro de Educação Ambiental Interdisciplinar Congresso Brasileiro de Educação Ambiental Interdisciplinar

Começaram a desembarcar em Juazeiro, no norte da Bahia, várias comitivas com professores, estudantes e ambientalistas de todo o Brasil que participarão do “III Congresso Brasileiro de Educação Ambiental Interdisciplinar” (III COBEAI), que começa às 8h desta terça-feira (21). Segundo a organização, são esperados cerca de 2 mil pessoas durante os quatro dias de evento.

O III COBEAI acontece no Complexo Multieventos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), na cidade baiana, até a próxima sexta-feira (24). Na ocasião, os congressistas, alunos e educadores das escolas públicas de Petrolina (PE) e Juazeiro terão acesso a debates, conferências, minicursos, oficinas, exposição de artigos científicos e visitas técnicas.

Pautado pelo tema ‘Meio Ambiente e Responsabilidade Social’, o evento traz discussões atuais como secagem solar de frutas e hortaliças no semiárido nordestino, sustentabilidade na cadeia da construção civil, tratabilidade de água para consumo humano, educação ambiental no contexto escolar e lixo eletrônico.

O coordenador do evento, Paulo Ramos, ressaltou que mais de 300 trabalhos científicos serão apresentados, além das conferências ministradas por vários professores PhD e especialistas reconhecidos nas suas áreas de atuação, país a fora. Estão na lista, os mestres do Centro de Innovación y Tecnologia para el Desarrollo Humano (UPM Espanha), Shamaa Dhyan; da Unicamp/ITA, Prof Dr Edison Bittencourt; da UEZO-RJ, Viviane de Lima Noronha; e da Univasf, Anderson Barbosa.

Ainda de acordo com ele, serão disponibilizados ônibus escolares para os professores e alunos dos dois municípios participarem do evento. “Essa ação visa justamente facilitar a ida e o acesso deles e de interessados ao congresso e às atividades decorrentes”, disse.

Assessoria de Comunicação SINTRAF




Sebrae realiza 13ª edição de Feira de Turismo Rural

Postado em 20 de novembro de 2017

RURALTUR 2016 - Visita técnica 2

Evento nacional, a Ruraltur acontece de 28 a 30 de novembro em Gravatá e vai reunir entidades expressivas do setor

O turismo rural no Brasil está intrinsecamente ligado à preservação e valorização da paisagem do campo, das tradições históricas e culturais, da biodiversidade. Mas discutir o assunto de maneira atualizada implica também falar de inovação, modernidade, acessibilidade, respeito, segurança e infraestrutura. Entre os dias 28 e 30 de novembro, Pernambuco sedia a 13ª Feira de Turismo Rural – Ruraltur, que será realizada no Hotel Fazenda Portal de Gravatá, no Agreste pernambucano. O evento é uma iniciativa nacional do Sebrae que será realizada em parceria com a Associação Pernambucana de Turismo Rural (Apeturr). O objetivo é conectar as diferentes matrizes culturais dos estados brasileiros com a disseminação de informações, redes de contatos, conhecimentos técnicos e comercialização de destinos turísticos.

A Ruraltur é considerada a melhor vitrine de produtos, serviços e conhecimentos de turismo rural do país e visa criar um ambiente favorável para o desenvolvimento setorial, gerando oportunidades de negócios para os expositores e potenciais compradores. Na sua 13ª edição, a feira terá como tema o Turismo Rural, a Produção Associada e Economia Criativa, com a valorização dos elementos e referenciais do campo. O foco principal do evento é a venda de roteiros turísticos e a integração das cadeias produtivas, por meio das seguintes ações: feira de produtos e serviços, caravanas estaduais e regionais, rodadas de negócios, Cine – Benchmarking, apresentação de cases de sucesso, rodas de conversa empresarial, visitas técnicas, seminários e mostras culturais.

A intenção do Sebrae com a 13ª edição da Ruraltur é gerar oportunidades de negócios para toda a cadeia produtiva do Turismo Rural, notadamente em Pernambuco e na região Nordeste, conectando as diferentes matrizes culturais locais e regionais. De acordo com Oswaldo Ramos, diretor-superintendente do Sebrae em Pernambuco, o evento visa potencializar o turismo rural a partir da agregação de valor à cadeia da economia criativa. “Queremos associar a cultura à gastronomia, ao patrimônio cultural, entre outros, para fortalecer a atividade turística. Essa é uma estratégia que o Sebrae busca cada vez mais para fortalecer o turismo rural no Nordeste”, pontua.

Evento nacional e itinerante do Sebrae, a Ruraltur nasceu na Paraíba e já foi realizada no Rio Grande do Norte, no Ceará e em outros estados. Neste ano, em Pernambuco, a parceria com a Apeturr tem buscando aprimorar a gestão, a inovação, a competitividade e a aproximação entre os setores do governo e do mercado, possibilitando a ampliação do turismo rural e a divulgação das riquezas presentes no campo. “O turismo rural é por excelência um turismo de experiência. Para que as pessoas entendam isso, vamos investir em visitas técnicas – que visam mostrar as possibilidades de mercado e capacidades turísticas existentes apenas no espaço rural – e em divulgação, para estimular que mais pessoas conheçam essa modalidade do turismo em Pernambuco”, explica Melânia Vieira, presidente da Apeturr.

ECONOMIA – Com o aumento histórico da concentração de pessoas nos grandes centros urbanos, o interesse pelo turismo rural tem crescido em todo o mundo. A Organização Mundial do Turismo estima que 3% dos turistas escolhem viajar para o campo. Setor que cresce 6% ao ano, de acordo com o Instituto de Desenvolvimento do Turismo Rural e Equestre (IDESTUR), o segmento desponta com grande potencial econômico e de investimento para os próximos anos. No Brasil, os equipamentos turísticos regionais e seus empreendedores compõem um diferencial competitivo que soma aproximadamente 15 mil propriedades abertas à prática do turismo. As regiões Norte e Nordeste somam 20% da demanda pelo turismo no campo. O Nordeste se destaca pelo investimento no fortalecimento do turismo rural, com respostas satisfatórias no profissionalismo do setor, na formação de parcerias estratégicas e na geração de negócios concretos. A base da atividade na região está fundamentada nos atrativos de natureza e riqueza histórica, nas fazendas e casarios rurais, nas manifestações e tradições culturais, paisagens, vegetação, artesanato, gastronomia e culto às referencias populares.

PROGRAMAÇÃO DA 13ª RURALTUR: Ler Mais



FRANK-PREMOLAJE-anigif


Página 1 de 3.91612345...102030...Última »

Mensagem Biblíca
E trouxe os sacerdotes, e os levitas, e ajuntou-os na praça oriental, ... 2 Crônicas:29:4