Arroz Valdivino - Clique e assista

Parceiros:

Instagram

  • Niver do filho

Raul Henry: “Não é o momento de tomar uma decisão sobre a Copergás”

Postado em 7 de novembro de 2017

Diante do acirramento político em torno do debate sobre privatizações de estatais, o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Raul Henry (PMDB), afirmou que não é momento de tomar uma decisão sobre a desestatização da Companhia Pernambucana de Gás (Copergás).

Henry relatou que há duas questões centrais a serem definidas: a conclusão do estudo do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDES) e a definição sobre o leilão da usina térmica de gás no Porto de Suape. Este último é um investimento de R$ 4 bilhões que, segundo o peemedebista, poderá duplicar o valor da empresa. No entanto, o aporte depende de um leilão do Ministério de Minas e Energia, que ainda não possui data para a realização.

Há um conjunto de variáveis que precisam ser definidas para avaliar. É um processo que somente será concluído no futuro e será submetido ao aval do governador Paulo Câmara. Se o leilão for concluído, a empresa duplica de valor porque o transporte do gás é feito pela Copergás, que tem a exclusividade da distribuição no Estado. Além disso, temos que concluir o estudo. Somente após essa fase, o governo vai refletir sobre o assunto“, afirmou Raul Henry.

Raul Henry fez questão de diferenciar o processo de estudo da privatização da Copergás com o da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) , feito pelo Ministério de Minas e Energia. A desestatização da empresa federal é alvo de duras críticas do governador Paulo Câmara (PSB) e seus aliados.

A avaliação negativa dos palacianos gerou contra-ataques dos opositores, que enxergam incoerência no discurso governista. Em contrapartida, Henry avalia que a diferença dos serviços privatizados fazem a diferença no contexto dos processos de desestatização.

Não foi um anúncio feito de maneira surpresa e colocando em risco o principal ativo do Nordeste que é o Rio São Francisco. A privatização da Chesf é a privatização do fluxo de água do São Francisco. Uma coisa é privatizar o gás, um banco, a telefonia. Outra diferente é privatizar um rio“, avaliou Henry.

Segundo ele, o processo tocado pelo Governo do Estado é diferente do nacional. “Não é um debate simplista. Estamos fazendo um debate estratégico, com planejamento e debate. Não estamos fazendo isso no improviso e de forma precipitada“, alfinetou.




Produtos direcionados à saúde fazem sucesso na Feincartes em Petrolina

Postado em 7 de novembro de 2017

IMG_9987 IMG_0213

Em meio aos 20 mil itens de artesanato e decoração mundiais e brasileiros apresentados na 6ª Feincartes, em Petrolina-PE, várias novidades têm chamado a atenção do público pelos benefícios à saúde e o bem-estar pessoal. De acordo com a coordenação da feira, até domingo (12) o evento deve receber 40 mil visitantes. Um número alto de pessoas que conhecerá, por exemplo, um travesseiro desenvolvido para tratar a fibromialgia e artrose e uma forma especial para fazer batatas crocantes livres de frituras e conservantes.

“O preparo das batatas é prático. Só fatiar e levá-las ao micro-ondas, em nossa forma, por cinco minutos. Nesse tempo, ela desidrata a batata, a deixa crocante, saudável e sem aquele uso do óleo, gordura ou conservantes. É um investimento na saúde”, explica o expositor da empresa paulistana Só Novidades, Bruno Urnikis.

No evento, Petrolina dá provas de que atrai o ineditismo das novidades, como é o caso das formas de batatas livres de gorduras. Com apenas três meses no mercado, elas estão sendo apresentadas ao público pela primeira vez. “Ainda não divulgamos a forma em nenhum outro evento, praticamente a Feincartes está lançando nosso produto”, disse Urnikis. Segundo o expositor, seu estande tem recebido um número alto de visitas por dia. “É o terceiro ano que participamos da feira e, neste ano, o movimento vem aumentando a cada dia”, completa.

Dois corredores depois da Só Novidades, próximo à entrada da Feincartes, está outro espaço que também vem chamando a atenção do público: o dos travesseiros da Fiber Fresh. Além de tratar fibromialgia e artrose, o produto ajuda com a labirintite, dores na coluna, rinite e varizes. De acordo com o expositor da marca curitibana, Marcos E, Hack, outro diferencial da almofada é a produção sob medida. “Nosso foco é no bem-estar do consumidor. Então nós buscamos vender o travesseiro indicado, a partir das medidas tiradas do ombro”, explica ele.

Criada em Curitiba, no Paraná, há 20 anos, a marca Fiber Fresh ganhou o Brasil e tem exportado seu produto para diversos países, como Estados Unidos, Itália e França. Marcos ainda lembrou que as almofadas têm o certificado do Instituto Brasileiro da Coluna, ligado ao Ministério da Saúde, e o selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO). “As pessoas passam aqui, ficam curiosas e se surpreendem com o alívio terapêutico que o produto proporciona”, ressalta.

A Feincartes – A Feira Internacional de Artesanato e Decoração é aberta das 16 às 22 h, com valor da entrada de R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia). Idosos com idade acima de 60 anos pagam meia e crianças de até 12 anos, acompanhadas dos pais, são isentas.

Realizada pela Mathias Feiras e Eventos com apoio da Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Cultura Turismo, e o Sebrae, a Feincartes traz ainda diversas atrações durante os 10 dias de evento. Passarão pelo evento, o grupo Pastoril da Fundação Nilo Coelho, Afoxé Filhos de Zaze, Quadrilha Junina Renascer do Sertão, Samba de Véio da Ilha do Massangano, sempre às 19h.

Na programação da feira também consta as atrações musicais Camila Yasmine, Fabiana Santiago, Ana Costa, Van Lima, Joyce Guirra e a banda Dubaia, que farão um show diário, a partir das 21h, na Praça de Alimentação.

Clas Comunicação



Atel

Prefeitura de Araripina paga salário e primeira parcela do 13º e injeta R$ 6,9 milhões na economia local

Postado em 7 de novembro de 2017

dinheiro

A Prefeitura de Araripina efetuou nesta terça-feira, 07 de novembro, o pagamento dos salários dos servidores de todas as secretarias bem como a primeira parcela referente ao 13º salário. Ao todo, entre salário e 13º, cerca de R$ 6,9 milhões foram injetados na economia local.

Com o compromisso de pagar os salários dentro do que reza a legislação e também, pela primeira vez na história da administração pública de Araripina, o pagamento da primeira parcela do 13º salário foi feito dentro do mês de novembro e para os servidores de todas as secretarias. O movimento financeiro foi de R$ 6.920.072,21 (seis milhões, novecentos e vinte mil e setenta e dois reais com vinte e um centavos) e vai aquecer a economia local e regional nos próximos meses quando se iniciam as vendas do final de ano.

De acordo com o prefeito Raimundo Pimentel, mesmo diante de um cenário de colapso das prefeituras em todo o país, a Prefeitura de Araripina está cumprindo seus compromissos com os servidores e também fortalecendo a economia da cidade.

“Mesmo com as dificuldades que estamos enfrentando com a escassez de recursos, a exemplo da queda do Fundo de Participação dos Municípios – FPM, não deixamos de cumprir com a nossa obrigação de pagar os servidores, valorizando o trabalho de cada um deles, em todas as áreas, em prol do povo e da nossa cidade”, disse Pimentel.

Ascom




Suape completa 39 anos de história com os olhos voltados para o futuro

Postado em 7 de novembro de 2017

DCIM100MEDIADJI_0036.JPG

Suape completa, nesta terça-feira (07), 39 anos de uma história construída com o suor de muitos pernambucanos que lutaram para ver nascer um porto industrial no Estado. Quase quatro décadas depois, é notável a consolidação da zona industrial, abrigando fábricas de diversos setores que contribuem significativamente para o crescimento econômico de Pernambuco. O Porto de Suape, o mais importante e estratégico das regiões Norte e Nordeste, acumula recordes de movimentação de cargas ao longo dos últimos anos, firmando-se entre os principais atracadouros do país.

O porto-indústria abriga 100 empreendimentos instalados ou em fase de implantação, que geram mais de 18 mil empregos diretos. Outras indústrias e grandes projetos estão a caminho. O Aché Laboratório Farmacêutico vai instalar a maior fábrica do grupo no Complexo de Suape, com aporte de R$ 500 milhões, o maior anúncio de investimento privado no Brasil no ano passado. Serão 500 empregos diretos e 2,5 mil indiretos. O segundo terminal de contêineres (Tecon 2) está bem próximo de tornar-se uma realidade, com previsão de investimento da iniciativa privada da ordem de R$ 1 bilhão. Com a conclusão do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA), o projeto agora aguarda os trâmites do governo federal e deve estar no mercado no ano que vem.

Outros projetos devem ser concluídos em breve. É o caso dos parques de tancagem da Pandenor e da Decal, que já receberam autorização para ampliação através do Programa de Parceria de Investimentos (PPI) do governo federal, o que deverá aumentar de forma expressiva a movimentação de graneis líquidos no Porto de Suape. O mesmo PPI também contemplou a ampliação do Terminal de Açúcar da Agrovia, que passará a movimentar outros grãos. Um investimento de R$ 40 milhões que trará novas oportunidades de negócios.

Suape também já recebeu as propostas dos interessados em explorar o truck center, pátio de caminhões com 500 vagas estáticas e infraestrutura necessária para reduzir o tempo de descarregamento e embarque das cargas provenientes dos terminais localizados no porto. Há, ainda, uma série de outros projetos que devem sair do papel, como o terminal de regaseificação, o arrendamento do pátio de veículos e o terminal de minérios, que depende da conclusão da ferrovia Transnordestina.

Tudo isso mostra a importância e o potencial de Suape para o Estado e as regiões Norte e Nordeste. Em 2016, o porto fechou o ano com o recorde de 22,74 milhões de toneladas de cargas movimentadas, crescendo quase 15% em relação ao ano anterior. Essa taxa foi a maior entre os 10 maiores portos públicos do país, o que alavancou Suape para a 5ª posição no ranking nacional de movimentação de cargas. Este ano, os contêineres cresceram 22% no período de janeiro a setembro, um dos maiores recordes já registrados desde o início da operação do Tecon Suape em 2002.

“Seguimos aguardando a tão almejada devolução da nossa autonomia para que possamos tocar, com a rapidez que o momento requer, os projetos que ficaram estagnados desde a sanção da Lei dos Portos em 2013. Enquanto isso, seguimos planejando o nosso futuro. É primordial que tenhamos a estrutura pronta que, aliada à qualidade de nossa mão de obra, fruto de maciços investimentos do governo Paulo Câmara em educação, nos permitirá continuar a receber grandes empreendimentos”, ponderou o presidente de Suape, Marcos Baptista.

Suape também cuida das pessoas e do meio ambiente. Mais de mil hectares de mata atlântica, restinga e mangue estão em processo de recuperação, dentro de sua Zona de Preservação Ecológica, que possui 59% dos 13,5 mil hectares do território. O maior projeto habitacional em construção no Estado está sendo erguido no Complexo. Mais de 2,6 mil famílias serão beneficiadas com uma residência num local com infraestrutura e próximo de serviços públicos, como posto de saúde, transporte e escolas.

Olhando o passado e visando o futuro, o Complexo Industrial Portuário de Suape está colhendo os frutos do esforço do povo pernambucano e dos governos que acreditaram no potencial deste grande ativo da economia do Estado. “Por tudo isso, acreditamos que o futuro reserva tempos ainda melhores para o nosso complexo, ratificando sua vocação de ser um dos melhores ambientes de negócios do Brasil”, acrescentou o presidente Marcos Baptista.



ArrozValdivino_post

MEC libera R$ 22,5 milhões para merenda em Pernambuco

Postado em 7 de novembro de 2017

thumbnail_IMG-20171106-WA0016

Os recursos da nona parcela do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) serão liberados até o fim da próxima semana em Pernambuco. No total, são R$ 22.500.426,20, que devem ser investidos na merenda de estudantes da educação básica de todo o estado. Também serão repassados R$ R$ 3.803.106,86 milhões para o Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate). Os repasses são feitos por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), autarquia vinculada ao Ministério da Educação.

Os recursos do Pnae são repassados anualmente em dez parcelas, de forma a cobrir os 200 dias do ano letivo. As secretarias da educação, responsáveis pelas redes de ensino, recebem os valores e operam a alimentação escolar. São atendidos pelo programa estudantes da rede de educação básica – educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação de jovens e adultos – matriculados em escolas públicas, filantrópicas e em entidades comunitárias conveniadas com o poder público.

A coordenadora-geral do Pnae, Karine Santos, lembra que o programa atende a quase 42 milhões de estudantes com 54 milhões de refeições por dia em todo o país. “O objetivo é garantir o fornecimento de alimentação que contribua para suprir as carências nutricionais dos estudantes durante o seu período de permanência na escola”, destaca.

Pelas regras do programa, o mínimo de 30% da verba transferida deve ser utilizado na compra de produtos da agricultura familiar, de maneira a movimentar as economias locais. Apenas neste ano, o FNDE repassou R$ 3 bilhões voltados à alimentação escolar em todo o país.

Transporte – Já o Pnate atende os estudantes da educação básica da rede pública de ensino que residem em área rural e que constam no censo escolar do ano anterior. Os recursos, de caráter suplementar, são utilizados por estados e municípios na manutenção de veículos, compra de combustível ou terceirização do serviço de transporte escolar.

Assessoria de Comunicação Social



FRANK-PREMOLAJE-anigif

Moradores dos municípios de Orocó e Santa Maria da Boa Vista continuam sem sinal da operadora TIM

Postado em 7 de novembro de 2017

Tim Sem Sinal - Orocó e Santa Maria

Clientes da operadora TIM dos municípios de Orocó e Santa Maria da Boa Vista estão há mais de 72 horas sem sinal de telefonia celular.

Os moradores das cidades de Orocó e Santa Maria da Boa Vista, sertão do São Francisco em Pernambuco, estão sem sinal da TIM há mais de 72 horas. A grande maioria da população dos dois municípios é cliente da operadora e dependem dos serviços para se comunicar com familiares e realizar transações comerciais, com isso todos tem encontrado dificuldades para entrar em contato com a empresa para reclamar do serviço e receberem uma posição da TIM.

Desde a manhã do último sábado, 04 de novembro, os cidadãos desses dois municípios não têm sinal de telefonia e nem internet, o que tem causado transtornos nas cidades. Até a manhã desta terça, 07 de novembro, o sinal ainda não foi restabelecido.

O órgão de defesa do consumidor destaca que em casos de perda de sinal, a operadora deve esclarecer os motivos do acontecido, apresentar soluções e ressarcir os clientes que foram prejudicados. Os clientes da operadora podem entrar com uma ação na justiça pedindo o restabelecimento imediato dos serviços.

Postada por: Alexandre Oliveira




Integrante do MST é morto a golpes de facão em assentamento de Caruaru

Postado em 7 de novembro de 2017

Integrante do MST é morto a golpes de facão em assentamento de Caruaru

Um jovem de 23 anos foi morto a golpes de facão em um assentamento do Movimento Sem Terra (MST) em Caruaru, Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, a vítima, que era integrante do MST, estava desaparecida desde o domingo (5). O corpo foi encontrado na noite de ontem (6) em um galpão da comunidade.

Parentes e amigos do jovem informaram que ele havia saído de casa no domingo para ir à missa e não retornou. A comunidade onde a vítima morava tem cerca de 40 famílias. Os amigos do jovem disseram que ele era atuante no MST, participava de cursos e ajudava a comunidade. G1 Caruaru




Pernambuco registra alta do emprego formal e profissões técnicas garantem melhores salários

Postado em 7 de novembro de 2017

PF investiga fraude de mais de R$ 15 mi no seguro-desemprego

O emprego formal voltou a registrar números positivos em Pernambuco. De acordo com dados do Ministério do Trabalho e Emprego, o estado contratou mais trabalhadores do que demitiu, no mês de setembro. Ao todo, mais de 42 mil pessoas foram admitidas contra 28 mil demissões registradas no período.

As profissões técnicas são as ocupações que mais valorizam o trabalhador nordestino. De acordo com o Senai, os profissionais técnicos da região ganham salários de até 21% maiores quando comparados com os rendimentos dos trabalhadores que cursaram o ensino médio regular.

Além disso, o Diretor Regional do Senai, em Pernambuco, Sérgio Gaudêncio, explica que o profissional técnico não encontra no mercado as dificuldades comuns impostas aos trabalhadores formados no ensino tradicional. “Além de um melhor salário, ele vai ter a facilidade de emprego. Porque, por ser uma estrutura piramidal, por exemplo, para cada nível superior eu precisaria de três ou quatro pessoas de nível técnico para poder montar uma estrutura de trabalho dentro de uma indústria, eu vou ter uma empregabilidade maior em virtude disso.”

No futuro próximo, a tendência é que as profissões técnicas passem a ser a escolha mais frequente entre os estudantes do Ensino Médio. De acordo com a organização Todos Pela Educação, quase 80% dos alunos do ensino regular preferem trocar parte da atual grade de estudos por disciplinas voltadas para as profissões técnicas.

O senador Armando Monteiro, do PTB pernambucano, acredita que, cada vez mais, as escolas vão aumentar a oferta de cursos profissionais para os estudantes do Ensino Médio. Ele ressalta que o conhecimento adquirido precisa ajudar o desenvolvimento da indústria, do estado e garantir ao estudante oportunidades de emprego e crescimento profissional. “Nós temos que transformar esse conhecimento básico em soluções tecnológicas aplicáveis à indústria. Eu diria até que o conhecimento, ele só é apropriado socialmente quando ele se transforma em alguma solução tecnológica, se não, ele termina sendo um mero exercício acadêmico”, defendeu ele.

De acordo com o Mapa Industrial 2017-2020, elaborado pelo Senai, o Nordeste do país vai precisar qualificar cerca de 250 mil profissionais técnicos para atenderem as demandas das indústrias da região nos próximos quatro anos. Em Pernambuco, existem cerca de 30 escolas técnicas profissionais, em mais de 20 municípios do estado. De acordo com a Secretaria Estadual de Educação, as unidades oferecem mais de 35 cursos técnicos.

Por: Cristiano Carlos



FRANK-PREMOLAJE-anigif

Congresso brasileiro de meio ambiente traz programação sustentável à Juazeiro e Petrolina

Postado em 7 de novembro de 2017

B1 Congresso Brasileiro de Educação Ambiental Interdisciplinar Congresso Brasileiro de Educação Ambiental Interdisciplinar

Faltam 15 dias para o “III Congresso Brasileiro de Educação Ambiental Interdisciplinar (III COBEAI)”, que será entre os dias 21 e 24 de novembro, no Complexo Multieventos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) campus Juazeiro-BA. O evento apresenta uma programação baseada no tema ‘Meio Ambiente e Responsabilidade Social’ e traz debates, conferências, minicursos, oficinas, exposição de artigos científicos e visitas técnicas. Esta edição deve receber cerca de 2 mil congressistas de todo o Brasil.

Temas atuais como secagem solar de frutas e hortaliças no semiárido nordestino, sustentabilidade na cadeia da construção civil, tratabilidade de água para consumo humano, lixo eletrônico e educação ambiental no contexto escolar compõem a grade do evento. Além disso, o congressista receberá o certificado de participação. De acordo com a coordenação do COBEAI, serão apresentados mais de 700 trabalhos científicos durante os 4 dias.

Para compor as atrações, o Programa Escola Verde (PEV/Univasf), que é o realizador do congresso, convidou vários professores PhD e especialistas reconhecidos nas suas áreas de atuação, país a fora. Estão na lista, os mestres do Centro de Innovación y Tecnologia para el Desarrollo Humano (UPM Espanha), Shamaa Dhyan; da Unicamp/ITA, Edison Bittencourt; da UEZO-RJ, Viviane de Lima Noronha; e da Univasf, Anderson Barbosa. A palestra inaugural está marcada para as 8h da terça-feira (21). Depois disso, convidados e congressistas terão uma maratona de atividades, que seguem o dia todo, até às 22h.

Segundo o coordenador do PEV, Paulo Ramos, além dos universitários, participarão do evento discentes de escolas públicas de Juazeiro e Petrolina (PE) e pessoas interessadas. Para os professores e alunos dos dois municípios serão disponibilizados ainda ônibus escolares.

Inscrições e mais informações sobre o evento podem ser obtidas pelo site: cobeai.escolaverde.org/site/2017.

Assessoria de Imprensa





Página 28 de 3.910« Primeira...1020...2627282930...405060...Última »

Mensagem Biblíca
Muitos são os meus perseguidores e os meus inimigos; mas não me desvio dos teus testemunhos. Salmos:119:157